expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Guias Espirituais



Os Guias Espirituais são deveras um dos grupos de espíritos mais importantes para a humanidade, pois ajudam-nos na nossa vida e na nossa evolução, conseguimos encontrar tantos tipos de guias como tipos de humanos existentes, desde pessoas desencarnadas, familiares mortos, espíritos da natureza, seres iluminados, devas, até pessoas que estão vivas no presente e se libertam do corpo para ajudar outras pessoas, enquanto está em vigília (sono).
 Cada guia que nos acompanha tem como missão nos ajudar em algo especifico, sendo que podemos diversos guias, por isso quem pensa que está sozinho e se sente sozinho, isso é pura ilusão, cada ser humano está acompanhado por guias que o ajuda, estando sempre perto de nós. As missões que eles estão encarregados são variadas, desde transmitir alegria, ajudar no nosso trabalho ou missão, falo por experiência própria, do pouco que me foi divulgado dos meus guias, que tenho um guia que me ajuda no processo de canalização e um outro que me ajuda no processo artístico, no desenho e pintura.
Existem diversos guias, que nos ajudam nas mais diversas ocasiões, e nunca se esqueçam que os guias espirituais são seres como nós, nem sempre estão connosco, fazem apenas turnos, eles também tem a sua vida do lado de lá, sendo que temos uns mais próximos de nós, que nos acompanham no dia a dia, e outros que apenas vem em nosso auxilio apenas em momentos específicos, como guias ligados á cura, que vão ao auxilio dos médicos, para os ajudar.
Os guias classificam-se de variadas formas, mas o verdadeiro intuito do ser humano é conseguir se ligar com eles para conseguir a sua ajuda para a evolução, estes dar-se-ão a conhecer de inúmeras maneiras, podem se manifestar com um simples estalido, um zumbido, um pássaro que se aproxima de mais e tenta nos guiar, uma abelha que nos indica o caminho para algum sitio, quem consegue ver, através da clarividência, podem se mostrar com aparência humana ou apenas por símbolos, fluxos de energia ou até mesmo cores. Para quem tem claurodiência, a capacidade de ouvir os mundos espirituais, pode ouvir zumbidos, tinidos, murmúrios ou até mesmo sussurros, podem-se manifestar por fragrâncias ou com a forma actuais ou de criaturas, como é o caso dos unicórnios, como já antes falei, no tópico da Hierarquia dos Unicórnios. 
O que acima de tudo devemos saber o que fazer, é que quando estabelecido o contacto com os guias devemos lhe perguntar o seu nome, sempre, não que se seja importante, pois o nome no mundo da energia de nada vale, mas sim para personalizar a nossa relação com eles, para quando chamarmos por ele, ele possa vir mais rápido em nosso auxilio, aparecem sempre com formas que nos fazem sentir bem, não precisamos de ter medo.
Primeiro de tudo devemos ter atenção ao controlo do nosso guia, nós devemos a nossa evolução a ele, não tratá-lo como um servo, mas caso sinta que o temperamento do seu guia ou algo que ele lhe faça ou diga não está de acordo, então rejeite com firmeza. lembre-se que muitos ainda estão em processo evolutivo e por vezes são pessoas a um nível muito idêntico ao nosso, e por isso ainda não tem o ego sublimado, não seja presunçoso ao ponto de achar que eles tem que andar consigo a toda a hora, tal como disse antes, eles guiam-nos mas não tem que andar atrás de nós sempre, para quem acha que um guia espiritual pode ser responsável por uma possessão, está enganado, pode existir casos de seres do baixo astral tirarem partido de corpos mais frágeis deste plano, mas é necessário muitas coisas para tal acontecer, por isso não se preocupem com algo que possa acontecer, porque não é assim tão habitual possessões.
Não precisa ficar inconsciente nem em transe para comunicar com eles, lembre-se que não deve ficar demasiado dependente a eles, pois isso pode levar a grande complicações no futuro, e no desempenhar de uma vida pessoal e própria, teste os seus guias espirituais, eles não ficarão chateados, eles estão á espera disso, pois é necessário saber a veracidade se são guias ou seres que se fazem passar por eles.
Lembre-se que a relação com eles é de trabalho, apenas isso, trabalho, ajuda evolutiva e nada de mais, é uma enorme benção sentir que não estamos sós e que existem tantos seres que nos guiam e ajudam.



Jai Gurudev

4 comentários:

  1. Que delícia a sensação de amparo que esses "amigos" nos proporcionam!

    ResponderEliminar
  2. Ola Rodrigo,
    e verdade, nc estamos sozinhos, e é maravilhoso que temos sempre alguem aqui bem perto de nós, a ajudar-nos na nossa evolução, no nosso caminho.

    ResponderEliminar
  3. mas então como podemos fazer para comunicar com eles?
    eles se mostrarão sob a forma de seres da 3ª dimensao?
    falam na mesma lingua que nós?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim os guias comunicam através d intuição e telepaticamente, no plano astral não existe idiomas como no nosso planeta, todos se entendem através da energia e dos sentimentos.
      E nós podemos comunicar através de oração e meditaçao com eles, e eles se manifestarão se eles puderem e assim desejarem.
      Muita Luz :)

      Eliminar